Clique no seu signo e veja o que os astros revelam pra você





terça-feira, 20 de abril de 2021

Macarani: Relatos de aumento em contas de água e modernização da forma de pagamento são discutidos pelos vereadores

Mesmo com quedas de energia e falhas na internet, aconteceu a sessão ordinária virtual desta segunda-feira, 19, e a vereadora professora Dila (PSD) apresentou o indicativo 009/2021, que pede a instalação de postos de pagamento de água em Macarani. Durante a discussão dos vereadores, foram relatados casos de aumento na conta de água de moradores do município.

O tratamento de água de Macarani fica a cargo do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE), entidade essa que vem passando por diversos problemas financeiros atualmente. O indicativo da vereadora Dila, solicita que os dirigentes do órgão possam viabilizar melhorias nos pagamentos das contas de água. 

O SAAE utiliza o método de talão impresso que é entregue na casa de cada morador, o pagamento é efetuado em agentes postais, como a Farmácia Evangelista e na Loja de Vilma. Mesmo contendo um código de barras no talão da conta, não é possível efetuar o pagamento via aplicativo bancários.

No site do SAAE (www.saaemacarani.com.br) existe uma área identificada como Agência Virtual mas sem a função de pagamento.

Relato de aumento de contas de água

A vereadora Dila durante a justificativa do indicativo também relatou que tem sido procurada por algum moradores do município que informaram que as contas de água vem sofrendo um aumento na última semana. Outros vereadores, como Nilton Alves (PL) e Marlon Sousa (MDB) também declararam que foram procurados por pessoas com o mesmo problema.

O presidente Marlon até chegou a comentar se pode ser um problema individual sendo ocasionado por alguma quebra na rede de distribuição de água da residência do morador, mas diante um número relevante de casos, é algo a ser esclarecido pelo SAAE.

Segundo o vereador Nilton Alves um dos casos que o edil recebeu é de um dos seus vizinhos que teve uma conta de água que no último mês dobrou o valor.

O caso deverá receber uma atenção maior e discussão nas próximas sessões.

Nenhum comentário: